Visita de Estudo aos Hospitais da Universidade de Coimbra
No passado dia 16 de Novembro, os alunos do curso de técnico auxiliar de saúde da Escola Tecnológica e Profissional da Zona do Pinhal realizaram uma visita de estudo aos Hospitais da Universidade de Coimbra e à Unidade de Saúde de Coimbra – Fernão Mendes Pinto, acompanhados do enfermeiro Amílcar Carvalho, professora Marta Marques e enfermeiro Olímpio Baía.

A visita iniciou-se com a ida à exposição “Um olhar sobre a psiquiatria…” presente no átrio de entrada do edifício do HUC integrada na comemoração dos 20 anos da consulta de prevenção do Suicídio, na qual cada documento, cada equipamento, cada cenário, foto, poster ou vitrina tem um papel pedagógico para a população e profissionais de saúde como é o nosso caso, num futuro próximo.

Após uma manhã muito elucidativa sobre o que se faz hoje, tanto nos aspectos de diagnóstico como nos recursos terapêuticos, bem como o esforço dos profissionais para dar aos doentes as melhores condições de vida a nível psiquiátrico seguiu-se uma tarde passada na Fernão Mendes Pinto, onde foi possível compreender que esta unidade de saúde de Coimbra tem como objectivo dar respostas no que respeita à prestação de cuidados de saúde em tempo útil, de forma a apoiar os cidadãos nas suas limitações através da humanização dos serviços que ali são disponibilizados.

Mas a visita a estas duas unidades hospitalares possibilitou-nos, como alunos do curso de técnico auxiliar de saúde, a identificação do percurso, o contexto de cuidados e tratamento da pessoa com doença mental e psiquiátrica ao longo dos últimos anos, o conhecimento dos materiais e equipamentos de trabalho e outros instrumentos valorizados/utilizados nos cuidados de saúde à pessoa idosa e com dependência, também as respostas preventivas e terapêuticas de apoio à pessoa com dependência em contexto de ginásio ou no internamento/leito e ainda a identificação das tarefas executadas pelo TAS ou pessoa equivalente.

Por fim, esta visita foi, sem dúvida, um enorme contributo para cada um destes alunos nos mais diversos níveis e fará toda a diferença nos seus percursos estudantis.

Andreia Filipa Dias, aluna do 1º ano de saúde.